Elementais da Água

[Elementais da Água][bleft]

Elementais da Terra

[Elementais da Terra][twocolumns]

A Lenda do Boto Cor-de-Rosa



A lenda do "boto cor de rosa" é mais uma crença que o povo ribeirinho da Amazônia costumava contar que, quando uma moça encontrava um novo namorado nas festas de junho deveria tomar muito cuidado.
É tradição junina do povo da Amazônia. Nessas noites se fazem fogueiras enquanto se desfruta de comidas típicas e se dança ao som alegres instrumentos e cantorias. 

Conta-se que em estas noites, quando as pessoas estão distraídas celebrando, o boto rosa aparece transformado em um bonito e elegante rapaz, mas sempre usando um chapéu, porque sua transformação nao é completa; suas narinas se encontram no topo de sua cabeça fazendo um buraco. Como um cavalheiro, ele conquista e encanta a primeira jovem bonita que ele encontra e a leva para o fundo do rio, engravidando-a e nunca mais voltando para vê-la. 

Até os dias de hoje, durante estas festividades, quando um homem aparece usando um chapéu, as pessoas pedem para que ele o retire para que não pensem que ele é um boto. E quando uma jovem engravida e não se sabe quem é o pai, é comum dizerem ser "do boto". Essa lenda foi contada no filme "Ele, o Boto" de 1987. Dizem que em naufrágios o boto procura socorrer os náufragos. 

Segundo uma versão, ajudaria apenas as mulheres, até para manter sua fama de conquistador... Noutra, ajuda indiferentemente homens e mulheres. Não são poucas as pessoas que, ao escaparem de morrer afogadas, atribuem - além de a Nossa Senhora de Nazaré - ao boto o seu salvamento.

http://naturezadeluanegra.blogspot.com.br/

Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Um comentário :


Oráculos

[Oráculos][threecolumns]

Cristais

[Cristais][grids]

Elementais

[Elementais][list]

Animais de Poder

[Animais de Poder][bsummary]